Sábado, 24 de Junho de 2017


O “Espaço 10porhora” é o nosso projeto comercial, que contará com linhas de produtos tais como Camisetas, Revista 10H, produções audiovisuais e diversas produções de parceiros da REDE (ex.: produtos de bambu, copos, canecas, cabides, porta incenso, trabalhos de artistas locais, produtos orgânicos, outros).

Com o Espaço 10porhora e nossa linha de produtos, temos como objetivo fortalecer e difundir o conceito, o projeto e a marca 10porhora, "CONECTANDO SUSTENTABILIDADE"; valorizar e divulgar projetos e produtos alternativos regionais; e promover sustentabilidade financeira ao próprio projeto 10porhora, mantendo uma equipe de gestão do Projeto (Associação e produção de projetos para editais) e do Portal da REDE 10H ("Agência" de Comunicação e Produtora Cultural/Eventos)

Como e onde se estabeleceriam os “Espaços 10porhora”?

Através de parcerias com lojas prioritariamente de bicicleta e do segmento alternativo, como lojas de comida e sucos orgânicos e qualquer outro projeto (empreendimento) que endosse a busca pela sustentabilidade. Os Espaços 10porhora seriam alocados dentro do espaço das lojas parceiras.

Como seria o “Espaço 10porhora” nessas lojas?

Um espaço físico, com porte pequeno ou médio, com possibilidades diferentes para melhor adequação ao ambiente e estrutura da loja. Este Espaço, convidativo ao público (cliente), será composto com móveis construídos de bambu, onde estarão exibidos produtos 10H (linha de camisetas, imãs com ilustrações e/ou fotos arte,revista 10H - disponibilizando-as para leitura no local, além de livretos e demais produtos literários de projetos ligados à Rede 10H) e produtos de parceiros, como canecas, porta incenso, e outros produtos de bioconstrução e permacultura/orgânicos.

 


Opções para constituir o espaço 10porhora

1 opção: uma arara/estante de bambu, onde ficarão expostas as camisetas 10H (feitas de PET e/ou algodão orgânico); a revista trimestral do 10h; produtos de bambu (canecas, cabides, etc) e outros de parceiros 10porhora da região da loja parceira, como produtos orgânicos (ex.: café e outros grãos); produtos audiovisuais como videoartes e documentários de coletivos alternativos/parceiros; outros.

2 opção (disponível apenas para Brasília e região metropolitana): uma arara/estante com mesinha e assentos, formando uma pequena "sala de estar", onde o cliente poderia desfrutar de leitura e descanso enquanto espera atendimento.

- Diego Castro

Coordenador do Projeto 10 por Hora

 

 

Saiba um pouco mais sobre a cultura do Bambu

 

O bambu é uma planta da família das gramíneas, que cresce em diversos ambientes naturais. Esta planta especial hoje se encontra plantada em todos os continentes do planeta e existem mais de 1.300 espécies catalogadas, que se concentram nos países tropicais e subtropicais. O bambu é classificado por duas características principais: pelo seu tamanho, sendo lenhosos e herbáceos e pelo modo de crescimento, sendo alastrantes aqueles que formam bosques e os entouceirantes, que formam touceiras.

Pela sua característica de renovação constante, produção contínua sem necessidade de replantio, alto crescimento e grande produção de biomassa não se conhece nenhuma outra espécie florestal que alcance esses índices. Existe uma espécie, Dendrocalamus Giganteus, que em condições adequadas, chega a crescer um metro por dia e atinge mais de 30 metros de altura, 30 centímetros de diâmetro, começa a produzir com 6 anos e continua por até 100 anos.

O bambu quando plantado gera uma série de benefícios para o ambiente, como a melhoria da qualidade do ar com produção de oxigênio e aumento da umidade, aumenta a permeabilidade do solo, a infiltração de água e gera um maior abastecimento dos lençóis freáticos. Promove ainda a restruturação do solo com a contenção, sombreamento e cobertura com matéria orgânica.

Desta forma, usa-se plantar o bambu para prevenir erosão, desbarrancamento de encostas e no paisagismo em geral, uma vez que esta planta tem uma beleza muito apreciada e forma uma proteção visual, contra o vento e o som. Por suas características de rusticidade é uma excelente planta para recuperação de áreas degradadas, lembrando que após as explosões das bombas atômicas em Hiroshima e Nagasaki o bambu foi a primeira planta a reaparecer novamente. No Japão o bambu é considerado uma planta sagrada e o Zen Budismo de lá acredita que o próprio Buda vive dentro do bambu. Assim o bambu é plantado em volta de seus templos, segundo eles trazendo proteção, harmonia e paz.

Além desses serviços ambientais o bambu vem sendo plantado com interesse econômico, visto que é uma matéria prima utilizada para produzir mais de mil utilidades como artesanato, utensílios domésticos, instrumentos musicais, móveis, na construção civil, na alimentação humana, na indústria de papel, de cosméticos, de tecidos e de energia.

Por todos esses bons motivos e ainda outros o 10porhora busca parceria com a Permacultura Ilimitada, empresa que se empenha em oferecer serviços e produtos sustentáveis, com qualidade e funcionalidade planetária,  sob a ética da Permacultura e relacionados à cultura do bambu, visando gerar uma condição planetária, a nível local, de Prosperidade, Harmonia e Paz.

Isso é um desafio no Brasil, visto que, aqui como em muitas nações do planeta, foi historicamente construído sob intensa exploração dos recursos naturais e das pessoas e não há no país o costume de utilização do bambu. Mas, atualmente esta realidade vem mudando e o nosso país vem passando por uma transformação com o aumento da escolaridade e ao acesso à informação, gerando nesta parte da sociedade, uma conscientização do momento em que vivemos no mundo e da necessidade, para que continuemos a ter condições de vida, de mudar nossos hábitos e estruturas sociais para hábitos e estruturas sócio-ambientais, que contribuam com uma sociedade sustentável e com toda a vida no Planeta.

Nesse novo momento, em setembro de 2011 foi sancionada a lei 12.484 que institui a Política Nacional de Incentivo ao Manejo Sustentado e ao Cultivo do Bambu, com o objetivo de promover o desenvolvimento socioeconômico regional pelo incentivo à produção de colmos, brotos e serviços ambientais do bambu, com estímulos como crédito rural, assistência técnica, certificação de origem, incentivo à pesquisa, ao cultivo, ao comércio e ao intercâmbio de informações. Assim, o Bambu vem ganhando destaque em um cenário de transição para uma cultura sustentável.

- Lucas Santana

Sócio Diretor da Permacultura Ilimitada

 

Obs: sugere-se serem usados incensos para compor o ambiente. Neste sentido, o 10porhora buscará estabelecer parcerias para que os incensos disponíveis (para compra e amostra) sejam de produtores nacionais.

Como ser um parceiro e ter o “Espaço 10porhora” em sua loja?

Entre em contato no (61) 9811-2104 ou O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

Primeira Coleção de Camisetas 10H